Diário de Bordo de 1 de Outubro de 2011


 

 

 

Cumprimos hoje o primeiro mês de existência regular, após um período experimental que começou nos últimos dias de Julho e se prolongou até ao fim de Agosto.

 

O saldo é inteiramente positivo, com rubricas que têm visitantes certos – o “Jardim das Delícias”,  “Península”, “Um café na Internet”, a “Praça da Revolta”,  “Com Posição” e outras que foram surgindo ao longo do mês –  “Estuário”, “Para um desenho da vida”, “Consultório Linguístico”… Séries, como “Os Homens do Rei”, de José Brandão, “O saudoso tempo do fascismo”, de Hélder Costa, os textos de Antropologia de Raúl Iturra, a área de Economia, com textos diários, a cargo de Júlio Marques Mota. O “Pentacórdio”, a agenda cultural, de Rui de Oliveira. Os contributos que nos chegam de fora através de amigos como Sílvio Castro, Domenico Mario Nuti e Josep Vidal…Novos colaboradores vão surgir, como Álvaro José Ferreira, que hoje se estreou com as suas “Pérolas” musicais.

 

O número de visitantes tem vindo a crescer, embora saibamos haver uma elevada margem de progressão. A “Viagem dos Argonautas” vai prosseguir. Tentaremos rectificar erros, corrigir eventuais assimetrias entre os temas…

 

 Numa palavra – melhorar.

Leave a Reply