EDIÇÃO ESPECIAL DO PRÓXIMO 25 DE ABRIL

Imagem1
Na próxima quinta-feira, dia 25 de Abril, não publicaremos as habituais secções e rubricas – faremos uma edição especial, cobrindo as 24 horas do dia com artigos, poemas, música… Porque não podemos esquecer Abril.

A esperança que há 39 anos nasceu, tem vindo a ser assassinada por sucessivos governantes – gente desprezível que viu na democracia e na liberdade terreno fértil para dar corpo a ambições mesquinhas. Não temos que estar desiludidos senão connosco, que deixámos as ratazanas tomar conta da luminosa alameda que Abril abriu. O MFA derrubou a ditadura – a nós cumpria-nos fazer a Revolução – delegámos a nossa responsabilidade histórica em gente corrupta que chama «interesse nacional» aos seus mesquinhos interesses. Não precisamos de um novo 25 de Abril, mas sim de exigir que a Liberdade que há 39 anos nos foi devolvida saia das mãos sujas dos serventuários do poder económico.

Esquecer Abril é abdicar da Democracia.

25 de Abril, sempre!

Leave a Reply