QUE PODE LEVAR DOIS EX-PRESIDENTES DE PAÍSES QUE JÁ SE DIGLADIARAM A TRABALHAR JUNTOS? por clara castilho

Estou a falar de Mikhail Gorbachev e de Bill Clinton. Parece que até nem se encontraram para contribuírem para uma nova versãoImagem2 da sinfonia infantil «Pedro e o Lobo», do compositor russo Sergei Prokofiev, com a Ópera Nacional Russa, conduzida por Kent Nagano. Passou-se em 2012. Foi o maestro que os escolheu, diz ele por ambos serem “ex-políticos com grande habilidade de comunicação”. Só? Talvez mais pela propaganda. A actriz italiana Sophia Loren também colaborou.

Esta versão foge ao tema, tem até o nome trocado «O Lobo e Pedro», de autoria do compositor francês Jean-Pascal Beintus. Nela se narra a história do ponto de vista do lobo, incluindo uma argumentação ecológica, esta com o nome trocado. Nesta história o lobo vive na floresta, mas a floresta está a desaparecer. A urbanização está a causar o derrube de árvores o que leva o lobo a ficar desesperado. E acaba por convencer Pedro de que todos podem viver juntos em paz.

Os narradores doaram o dinheiro que receberem a instituições de caridade e ambientais. Mikhail Gorbachev à Cruz Verde Internacional, organização ecológica criada por ele em 1993, e Bill Clinton ao International Aids Trust .

O papel que  Gorbachev desempenhou foi o de narrador da fábula, um papel que em 1956 foi desempenhado pelo actor francês Gérard Philipe.

Se ser encontrado na internet é sinal de ser conhecido, então esta versão não existe. Só se encontra a notícia do facto de os dois ex presidentes terem contribuído para o resultado final e de, em 2004 terem sido premiados com um Grammy (o maior e mais prestigioso prémio da indústria musical internacional, outorgado anualmente pela National Academy of Recording Arts ans Sciences dos EUA, considerado o Óscar da música)

Eu, cá por mim, gosto muito da versão da Chamber Orchestra of Europe, dirigida por Claudio Abbado, recentemente falecido, e narrado pelo cantor Sting. É deliciosa e as crianças adoram.

2 Comments

  1. Respondendo à questão provocadoramente colocada pela autora deste artigo,
    QUE PODE LEVAR DOIS EX-PRESIDENTES DE PAÍSES QUE JÁ SE DIGLADIARAM A TRABALHAR JUNTOS?
    Respondo: PODER – exposição pública à escala planetária, reputação enevolente e obviamente, muito dinheiro!
    A ecologia é porventura o maior negócio de sempre depois do negócio das especialrias, já lá vão mais de 1.500 anos.
    Desta vez não vamos à decoberta de novos Continentes, vamos à descoberta de outras galáxias e de novos mundos, inspirados não no comércio de especiarias e na propagação da fé, mas inspirados pela causa ecológica e com o intuito de parasitar o Universo explorando novos recursos até à exaustão.
    Conclusão, em 1500 anos não aprendemos nada, o que me preenche de esperança! Tanta ignorância manifesta não nos permitirá ir muito longe na nova demanda.
    Parece que Universo vai permanecer em paz pelo menos durante mais 1.500 anos, depois se verá…

Leave a Reply