INOVAR OU MORRER: A GRÉCIA ESCAPARÁ AO NADA? – por AURAN DERIEN – III

Falareconomia1

Selecção e tradução de Júlio Marques Mota

mapagrecia

INOVAR OU MORRER: A GRÉCIA ESCAPARÁ AO NADA?

Apolo regressará à Acrópole!

escapar - I*

 

Auran Derien, INNOVER OU PÉRIR : LA GRÈCE ÉCHAPPERA-T-ELLE AU NÉANT ? – Apollon reviendra sur l’Acropole ! 

logo_banniere

Revista Metamag.fr, 13 de Abril de 2015

(CONCLUSÃO)

escapar - X

3 – O fim das pensões de reforma, cuja origem é a estupidez do sistema de redistribuição e da criminalidade de gestores dos fundos de pensões, daria o ponto de partida a uma reforma economicamente bem fundada, o que o Professor Jacques Bichot explica no seu livro “Como serão as aposentações no ano 2000?” “Quelles retraites en l’an 2000?” (Jacques Bichot : Quelles retraites en l’an 2000? Ed.Armand Colin, 1993).

Todo o sistema de pensões de reforma é baseado em investimentos para produzir, a longo prazo, o montante das pensões. Num caso, as pessoas capitalizam o capital físico e financeiro, no outro caso em capital humano, demográfico. Um povo adquire os direitos sobre o futuro colocando filhos no mundo, educando-os e financiando-os com os impostos e as cotizações. Se os gregos não se querem encaminhar para o desaparecimento definitivo das suas reformas, devem fundar esta sua intenção no princípio de solidariedade entre gerações: os direitos de cada um devem ser calculados em proporção do investimento demográfico realizado. Este princípio é inspirado pela justiça enquanto equidade, quando uma pessoa recebe na proporção do que contribuiu. Os adultos devem encontrar, na reforma, o equivalente do que eles contribuíram para o desenvolvimento das gerações que lhes sucederam.

Que soluções?

As soluções, essas existem. mas a finança ocidental bloqueia qualquer evolução para lá do que ela controla. Daqui resulta um primitivismo intelectual, tantos são os truques da máfia e em que estes não podem constituir uma paradigma organizacional. Entre a demografia global que dá um peso crescente à Ásia, a manutenção das tradições que não se enraízam no fanatismo e o trabalho das elites independentes, o caminho está balizado e leva a libertar os povos da usura, a protegê-los de erradicação programada, a fazer germinar uma nova civilização. Seria uma honra assistir ao retorno da luz grega.

________

* Illustration en tête d’article : Temple d’Apollon sur l’Acropole de Rhodes

________

Ver o original em:

http://metamag.fr/metamag-2826-INNOVER-OU-P%C3%89RIR–LA-GR%C3%88CE-%C3%89CHAPPERA-T-ELLE-AU-N%C3%89ANT-.html

________

Para ler a parte II deste trabalho de Auran Derien, publicada ontem em A Viagem dos Argonautas, vá a:

INOVAR OU MORRER: A GRÉCIA ESCAPARÁ AO NADA? – por AURAN DERIEN – II

Leave a Reply