UMA CARTA DO PORTO – Por José Fernando Magalhães (169) – Reposição

carta-do-porto

16 de Fevereiro 2017

O SEMINÁRIO DOS MENINOS DESAMPARADOS

O Centro Juvenil de Campanhã fica na Rua Pinheiro de Campanhã, ali na esquina com a Rua de Bonjóia, mas já teve outros nomes e esteve noutros lugares.

 

dsc00379-750x

Fundado em 6 de Janeiro de 1814 pelo padre Oratoriano José de Oliveira, nasceu na Rua das Hortas, que actualmente se chama do Almada, e, até se transferir para a Quinta do Pinheiro de Campanhã, que lhe foi doada pelo seu proprietário Luís António Gonçalves Lima, passou por várias instalações na cidade. Esta doação tinha uma condição, a de que, em caso de apropriação governamental ou por extinção ou ainda por qualquer outro motivo que determinasse o abandono das instalações, passariam, a propriedade e o edifício, para a posse da Santa Casa da Misericórdia do Porto. Tal nunca veio a acontecer uma vez que desde essa data, 30 de Abril de 1863; a instituição nunca mais parou de crescer. O seu objectivo inicial era acolher as crianças do sexo masculino filhas das vítimas do desastre da “Ponte das Barcas”, ocorrido aquando da segunda invasão francesa em 1809.

 

seminario-dos-meninos-desamparados-na-quinta-do-pinheiro-padre-jose-oliveira-1814

Hoje, depois das imensas transformações que as valências da Instituição sofreram através dos tempos, (como por exemplo, a ocupação de parte das instalações por cerca de mil e quinhentos alunos da Universidade Lusíada durante o período compreendido entre 1987 e 1991, a acomodação de algumas dezenas de alunos oriundos dos países Africanos de expressão oficial portuguesa debaixo da égide da Fundação Afro-Lusitana, creches, infantário e também internato e externato, bem assim como actividades no âmbito da formação técnica e profissional e, áreas como a serralharia e olaria – O.T.L.), funcionam a creche, o infantário e o internato.

A Instituição, que começou por recolher as crianças órfãs cujos pais morreram na tragédia de 1809,  acolhe hoje, em regime de internato, crianças e jovens do sexo masculino, de risco, encaminhadas pelo Tribunal de Menores e Família e Comissões de Protecção de Menores, bem como actua em algumas divisões voltadas para acolher crianças e jovens em risco e provenientes de meios desfavorecidos, visando o desenvolvimento da sua formação intelectual integral.

O Centro Juvenil de Campanhã é composto por:

  1. Lar de Crianças e Jovens

  2. Unidade de Emergência Infantil

  3. Centro de Acolhimento Temporário – CAT

  4. Creche e Jardim de Infância (em regime aberto)

No ano da fundação, havia cinco crianças na Instituição, em 1819, havia trinta, em 1899 estavam lá cento e três, em 1912 cento e oitenta e em 1946 eram trezentas as crianças que lá habitavam. Hoje, são cerca de 120 os jovens que lá habitam.

Também o seu nome foi mudando com o sabor dos tempos. Começou como Seminário dos Meninos Desamparados (está esse nome inscrito no portão de ferro da entrada), passou a denominar-se depois Internato Juvenil Padre José de Oliveira (tem um busto que o homenageia no jardim da entrada da Instituição), e actualmente é designado como Centro Juvenil de Campanhã.

 

dsc00403-750x

Aquando da nossa visita foi importante a autorização que nos foi dada para fotografar a capela, bonita e ampla, que se encontra em frente ao portão principal e é o centro de todo o edifício. Dedicada a S. José e inaugurada em 6 de Janeiro de 1899, para comemorar o 85ª aniversário da fundação do Seminário dos Meninos Desamparados, é de natureza semi-pública, servindo de local de culto, aberto semanalmente aos fieis. Tem alguma talha dourada, um altar formoso e azulejaria original.

 

dsc00395-750xdsc00400-750x dsc00402-750x

De acordo com a Monografia de Campanhã (Campanhã – Estudos Monográficos), existia uma importante e completa biblioteca, centro polivalente de dinamização cultural, onde, entre outros materiais, se encontrava um precioso núcleo de actas e outra documentação referentes à história da instituição. Essas actas e outra documentação está devidamente guardada, não estando eventualmente completa, devido a um acidente provocado por inundações há já alguns anos.

 

dsc00405-750x

 

O edifício, lindo, está escondido e tapado pelo campo de Jogos que lhe está à frente. Com a renovação daquela zona, em fase de  implementação, vai nascer uma rotunda mais ou menos no local do campo, a rua de Bonjóia vai ser alargada e o edifício vai ficar à vista de toda a gente.

 

dsc00391-750xdsc00392-750x dsc00390-750x dsc00389-750x

 

O Centro Juvenil de Campanhã precisa de quem o ajude. Veja AQUI como o pode fazer. Obrigado

 

 

 

 

Conversas em Surdina 14

Reforma Agrária, Precisa-se!

Ou, A época de eleições que agora temos.

 

 

 

 

 

 

2 Comments

Leave a Reply