Posts Tagged: Hino Nacional

A LETRA COMPLETA DO HINO NACIONAL – da autoria de Henrique Lopes de Mendonça

Heróis do mar, nobre povo, Nação valente, imortal, Levantai hoje de novo O esplendor de Portugal! Entre as brumas da memória, Ó Pátria sente-se a voz Dos teus egrégios avós, Que há-de guiar-te à vitória! Às armas, às armas! Sobre

A LETRA COMPLETA DO HINO NACIONAL – da autoria de Henrique Lopes de Mendonça

Heróis do mar, nobre povo, Nação valente, imortal, Levantai hoje de novo O esplendor de Portugal! Entre as brumas da memória, Ó Pátria sente-se a voz Dos teus egrégios avós, Que há-de guiar-te à vitória! Às armas, às armas! Sobre

A PORTUGUESA – Hino Nacional

Quando em 1890 o governo britânico apresentou ao de Portugal o humilhante Ultimato, houve uma espontânea e vibrante reacção popular que a propaganda republicana habilmente explorou. A “nossa velha aliada”, à época a super-potência mundial, impôs-nos – ou abandonávamos os territórios

A PORTUGUESA – Hino Nacional

Quando em 1890 o governo britânico apresentou ao de Portugal o humilhante Ultimato, houve uma espontânea e vibrante reacção popular que a propaganda republicana habilmente explorou. A “nossa velha aliada”, à época a super-potência mundial, impôs-nos – ou abandonávamos os territórios

EDITORIAL – PUNHO ERGUIDO OU DEDO ESTICADO

A propósito da polémica desencadeada pelo gesto do jogador catalão, Gerard Piqué, quando soava a Marcha Real, o hino a que André Malraux, em l’Éspoir, chama «música de carrossel», um dos poucos hinos sem letra, recordamos o jogo que, em

EDITORIAL – PUNHO ERGUIDO OU DEDO ESTICADO

A propósito da polémica desencadeada pelo gesto do jogador catalão, Gerard Piqué, quando soava a Marcha Real, o hino a que André Malraux, em l’Éspoir, chama «música de carrossel», um dos poucos hinos sem letra, recordamos o jogo que, em

PODEMOS PENSAR NUM OUTRO HINO DE PORTUGAL? por Clara Castilho

Foi o que pensaram, há dois anos, Paulo Borges (letra), António Victorino d’Almeida (música). Se começou como uma iniciativa de um novo partido (PAN), nem todos os que colaboraram serão seus militantes. E porque também não o sou, mas sou

PODEMOS PENSAR NUM OUTRO HINO DE PORTUGAL? por Clara Castilho

Foi o que pensaram, há dois anos, Paulo Borges (letra), António Victorino d’Almeida (música). Se começou como uma iniciativa de um novo partido (PAN), nem todos os que colaboraram serão seus militantes. E porque também não o sou, mas sou

“as nossas músicas” – Lídia e Luís Rocha – A Portuguesa

Como republicanos convictos, consideramos também como “nossa música” o Hino Nacional “A Portuguesa”, com letra de Henrique Lopes Mendonça e música de Alfredo Keil que, juntamente com a Bandeira Nacional foram adoptados como símbolo nacional, pela Assembleia Nacional Constituinte no

“as nossas músicas” – Lídia e Luís Rocha – A Portuguesa

Como republicanos convictos, consideramos também como “nossa música” o Hino Nacional “A Portuguesa”, com letra de Henrique Lopes Mendonça e música de Alfredo Keil que, juntamente com a Bandeira Nacional foram adoptados como símbolo nacional, pela Assembleia Nacional Constituinte no