Posts Tagged: philippe murer

PERSEGUIÇÃO AOS INTELECTUAIS – A CADA UM DE NÓS QUE COMPREENDA

Selecção e tradução para Júlio Marques Mota Perseguição aos intelectuais- A cada um de nós que compreenda. Fevereiro de 2014 Fatwa lançada contra quatro intelectuais: Taddei (jornalista de France 2), Sapir (economista da EHESS), Schneidermann (ex jornalista do Le Monde,

DOIS EM CADA TRÊS FRANCESES TÊM MEDO DE IR DE MANHÃ PARA O TRABALHO – por Caroline Piquet

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Deux Français sur trois ont peur le matin en allant au travail Caroline Piquet – Le Figaro – 7 de Março de 2014 Texto enviado por Philippe Murer – do Forum Démocratique  

O DESEMPREGO, O CRESCIMENTO, OS DÉFICES: A TRIPLA FALÊNCIA DE FRANÇOIS HOLLANDE – por JÚLIO MARQUES MOTA

Uma montagem feita a partir de textos enviados por Philippe Murer, Membro do bureau do Forum Démocratique, Presidente da associação Manifeste pour un Débat sur le libre échange Durante a sua campanha presidencial, Hollande tinha estabelecido  metas em matéria económica:

RETRATOS, IMAGENS, SÍNTESE DOS EFEITOS DA CRISE DA ZONA EURO SOBRE CADA PAÍS – OS MEGA-DESPEDIMENTOS RECOMEÇARAM – RICOCHETE EM FRANÇA DENTRO DE 3 MESES

Texto enviado por Phillipe Murer do Forum Démocratique,  traduzido e actualizado por Júlio Marques Mota Janeiro-Fevereiro de 2014 Em directo do blog de Pierre Jovanovic que colocou em linha a  sua mais recente revista de imprensa,  e se é verdade

A ALEMANHA CRIOU UMA “VANTAGEM DESLEAL” COM OS SEUS BAIXOS SALÁRIOS – AFP – AGENCE FRANCE-PRESSE

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota A Alemanha criou uma “vantagem desleal” com os seus baixos salários AFP – Forum Démocratique – 2 de Março de 2014  Texto  enviado por Philipe Murer, do Forum Démocratique  O secretário de Estado alemão para

UMA HISTÓRIA DOS BANCOS CENTRAIS, por JEAN-CLAUDE WERREBROUCK

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Uma história dos bancos centrais  Jean-Claude Werrebrouck Texto enviado por Phillipe Murer, do Forum Démocratique Blogue Le Gaulliste Libre, de Laurent Pinsolle Este é um livro essencial. A crise actual demonstrou qual é

PROBABILIDADE E MODO DE GESTÃO DA PRÓXIMA CRISE FINANCEIRA – por JEAN-CLAUDE WERREBROUCK

 Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Probabilidade e modo de gestão da próxima crise financeira Jean-Claude Werrebrouck  Blog La crise des années 2010 27 de Janeiro de 2014  Texto enviado por Phillipe Murer a quem ficamos muito reconhecidos.  Parte II

PROBABILIDADE E MODO DE GESTÃO DA PRÓXIMA CRISE FINANCEIRA – por JEAN-CLAUDE WERREBROUCK

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Probabilidade e modo de gestão da próxima crise financeira Jean-Claude Werrebrouck  Blog La crise des années 2010 27 de Janeiro de 2014  Texto enviado por Phillipe Murer a quem ficamos muito reconhecidos.   

QUANTO MAIS MOEDA, MENOS DÍVIDA! – Por PHILIPPE MURER

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota  A dívida tem principalmente como origem a falta de moeda em circulação. Como evitar o endividamento pelas criação monetária. … Por Philippe Murer, Professor de finanças na Sorbonne   Uma quantidade de dinheiro

DESPESA PÚBLICA: A ESQUERDA FACE AO PUZZLE DE 50 MIL MILHÕES, por SOLENN DE ROYER

Selecção e tradução de Júlio Marques Mota Despesa pública: a esquerda face ao puzzle de 50 mil milhões Solenn de Royer, Le Figaro, Dépenses publiques : la gauche face au casse-tête des 50 milliards, 6 de Fevereiro de 2014 texto enviado

O SILÊNCIO EM TORNO DO EURO, por FRANÇOIS ASSELINEAU

Selecção, tradução e nota introdutória por Júlio Marques Mota Com as eleições a aproximarem-se a lei do silêncio começa a impor-se em França. Os ataques feitos a um dos mais eminentes economistas franceses da actualidade e membro da Attac, Jacques

RETRATOS DA EUROPA, RETRATOS DO MERCADO DO TRABALHO EN FRANÇA – ACORDO EUROPEU SOBRE OS TRABALHADORES DESTACADOS – por JÚLIO MARQUES MOTA

9. E já fora das Directivas, um olhar sobre o mercado de trabalho em França Retratos da Europa-retrato de França Aos 30 anos ainda não sabe o que é um Contrato de Duração Indeterminada Texto enviado por Phillipe Murer, Membro

RETRATOS DA EUROPA, RETRATOS DO MERCADO DO TRABALHO EN FRANÇA – ACORDO EUROPEU SOBRE OS TRABALHADORES DESTACADOS – por JÚLIO MARQUES MOTA

8. Sobre os trabalhadores destacados: “ninguém se queixa por ignorância ou por medo de perder o emprego.» Le Monde.fr | 09.12.2013 Oficialmente, eles são 210 000 em 2013, estes “trabalhadores destacados”, os nacionais dos Estados-membros da União Europeia que estão temporariamente a

RETRATOS DA EUROPA, RETRATOS DO MERCADO DO TRABALHO EN FRANÇA – ACORDO EUROPEU SOBRE OS TRABALHADORES DESTACADOS – por JÚLIO MARQUES MOTA

7 Seis questões em torno do estatuto de « trabalhador destacado » Le Monde | Anna Villechenon Os ministros do trabalho dos vinte e oito Estados membros da União Europeia tentam, segunda-feira, 9 de Dezembro, em Bruxelas, chegar a um acordo sobre

RETRATOS DA EUROPA, RETRATOS DO MERCADO DO TRABALHO EN FRANÇA – ACORDO EUROPEU SOBRE OS TRABALHADORES DESTACADOS – por JÚLIO MARQUES MOTA

6. Depois do “canalizador polaco”, eis-nos agora perante a polémica do “trabalhador destacado”. LE MONDE |Dominique Gallois A operação “costa florida” efectuada pelos empresários da construção de Basse-Normandie prossegue. Desde há vários meses, Deauville, Trouville e Villers-sur-Mer (Calvados), que os estaleiros