Posts Tagged: crítica social

UMA BREVE ANÁLISE DO RECENTE LIVRO A QUEDA DOS MACHOS DE PIO ABREU, por JÚLIO MARQUES MOTA

Uma breve análise do recente livro a queda dos machos de Pio Abreu Dedico o trabalho de publicação do texto abaixo ao meu amigo Pio de Abreu que acaba de escrever um muito bom livro chamada A queda dos machos[1],

UMA BREVE ANÁLISE DO RECENTE LIVRO A QUEDA DOS MACHOS DE PIO ABREU, por JÚLIO MARQUES MOTA

Uma breve análise do recente livro a queda dos machos de Pio Abreu Dedico o trabalho de publicação do texto abaixo ao meu amigo Pio de Abreu que acaba de escrever um muito bom livro chamada A queda dos machos[1],

SEGUNDA IMPRESSÃO, por ANDRÉ BRUN

  O meu amigo Praxedes acordou hoje bem disposto, com a inteligência lúcida e a boca fresca. Antes de mais nada, reclamou o jornal. Logo na primeira página, vinha a notícia do comício dos inquilinos. Praxedes, que acabava de ser

SEGUNDA IMPRESSÃO, por ANDRÉ BRUN

  O meu amigo Praxedes acordou hoje bem disposto, com a inteligência lúcida e a boca fresca. Antes de mais nada, reclamou o jornal. Logo na primeira página, vinha a notícia do comício dos inquilinos. Praxedes, que acabava de ser

POETA POPULAR – Sr. Máximo, natural de Aviz (Alto Alentejo).

JÁ TENHO LICENCIATURA Já tenho licenciatura Agora sou um doutor, Tenho montes de cultura Vou ser Ministro? se for? Inscrevi-me ao fim do dia Naquela universidade Dos diplomas de inverdade P’ra testar o que sabia;   Já de manhã, mal

POETA POPULAR – Sr. Máximo, natural de Aviz (Alto Alentejo).

JÁ TENHO LICENCIATURA Já tenho licenciatura Agora sou um doutor, Tenho montes de cultura Vou ser Ministro? se for? Inscrevi-me ao fim do dia Naquela universidade Dos diplomas de inverdade P’ra testar o que sabia;   Já de manhã, mal

A DIGNIDADE NÃO É SUSTENTÁVEL? Por por José Vítor Malheiros

Reproduzimos este notável artigo com a devida vénia ao José Vítor Malheiros e ao Público A dignidade não é sustentável?  Texto publicado no jornal Público a 7 de Agosto de 2012 Será que a revolução neoliberal em curso tem plena

A DIGNIDADE NÃO É SUSTENTÁVEL? Por por José Vítor Malheiros

Reproduzimos este notável artigo com a devida vénia ao José Vítor Malheiros e ao Público A dignidade não é sustentável?  Texto publicado no jornal Público a 7 de Agosto de 2012 Será que a revolução neoliberal em curso tem plena

Um livro que eu li – Tempos difíceis, de Charles Dickens – por João Machado

Um Café na Internet     A celebração do segundo centenário do nascimento de Charles Dickens foi um excelente motivo para para o reler. E para ler alguns dos seus romances pela primeira vez.  Foi o caso de Tempos Difíceis

Um livro que eu li – Tempos difíceis, de Charles Dickens – por João Machado

Um Café na Internet     A celebração do segundo centenário do nascimento de Charles Dickens foi um excelente motivo para para o reler. E para ler alguns dos seus romances pela primeira vez.  Foi o caso de Tempos Difíceis