Posts Tagged: história do brasil

BRASIL – A DISCRIMINAÇÃO DOS AFRO-DESCENDENTES CONTINUA, por LEONARDO BOFF

        Uma consequência da campanha eleitoral de 2018, anti-democrática e marcada por um sem número de fake news (falsas notícias), foi o fortalecimento do já existente racismo contra indígenas, quilombolas e particularmente contra negros e negras. Segundo

BRASIL – A DISCRIMINAÇÃO DOS AFRO-DESCENDENTES CONTINUA, por LEONARDO BOFF

        Uma consequência da campanha eleitoral de 2018, anti-democrática e marcada por um sem número de fake news (falsas notícias), foi o fortalecimento do já existente racismo contra indígenas, quilombolas e particularmente contra negros e negras. Segundo

BRASIL – CORREIO DA CIDADANIA – “ÚLTIMOS GOVERNOS PREPARARAM O TERRENO PARA BOLSONARO NEGAR TODOS OS DIREITOS DOS POVOS INDÍGENAS”, por GABRIEL BRITO – ENTREVISTA com

OBRIGADO A MARCO MOREL, GABRIEL BRITO E CORREIO DA CIDADANIA “A saga histórica dos índios botocudos se constitui num patrimônio da humanidade”. É assim que o historiador Marco Morel define o povo que pesquisou durante anos, sobre o qual publica

BRASIL – CORREIO DA CIDADANIA – “ÚLTIMOS GOVERNOS PREPARARAM O TERRENO PARA BOLSONARO NEGAR TODOS OS DIREITOS DOS POVOS INDÍGENAS”, por GABRIEL BRITO – ENTREVISTA com

OBRIGADO A MARCO MOREL, GABRIEL BRITO E CORREIO DA CIDADANIA “A saga histórica dos índios botocudos se constitui num patrimônio da humanidade”. É assim que o historiador Marco Morel define o povo que pesquisou durante anos, sobre o qual publica

A OPINIÃO DE DANIEL AARÃO REIS – NADA É DADO, TUDO É CONQUISTADO

  Nada é dado, tudo é conquistado O verso, do poeta Felix de Athayde, exprime, melhor do que um tratado, o estado de espírito dos que lutavam nas ruas do país contra a ditadura,  instaurada em fins de março de

A OPINIÃO DE DANIEL AARÃO REIS – NADA É DADO, TUDO É CONQUISTADO

  Nada é dado, tudo é conquistado O verso, do poeta Felix de Athayde, exprime, melhor do que um tratado, o estado de espírito dos que lutavam nas ruas do país contra a ditadura,  instaurada em fins de março de

A OPINIÃO DE DANIEL AARÃO REIS – HERANÇAS E HERDEIROS

  O golpe que instaurou a ditadura do Estado Novo, em 10 de novembro de 1937,   fez 80 anos. Preparado por seu principal mentor e beneficiário, Getúlio Vargas, teve o apoio essencial das Forças Armadas. O contexto internacional dos anos

A OPINIÃO DE DANIEL AARÃO REIS – HERANÇAS E HERDEIROS

  O golpe que instaurou a ditadura do Estado Novo, em 10 de novembro de 1937,   fez 80 anos. Preparado por seu principal mentor e beneficiário, Getúlio Vargas, teve o apoio essencial das Forças Armadas. O contexto internacional dos anos

EDITORIAL: Graciliano Ramos e o poder da palavra – os escritores assustam os ditadores

Graciliano Ramos de Oliveira nasceu em Quebrangulo, no dia 27 de Outubro de 1892 e  morreu no Rio de Janeiro em 20 de Março de 1953. Dedicamos-lhe este editorial – espaço mais vocacionado para a análise política e histórica, porque a

EDITORIAL: Graciliano Ramos e o poder da palavra – os escritores assustam os ditadores

Graciliano Ramos de Oliveira nasceu em Quebrangulo, no dia 27 de Outubro de 1892 e  morreu no Rio de Janeiro em 20 de Março de 1953. Dedicamos-lhe este editorial – espaço mais vocacionado para a análise política e histórica, porque a

CONSTRUÇÃO E (de)CONSTRUÇÃO DO BRASIL – por Sílvio Castro

INTRODUÇÃO A presente versão deste ensaio deve ser tomada pelo leitor como um inicial esboço de formas complementares que, muito brevemente, assumirá um diverso desenvolvimento e assim chegará a atingir a intenção final de escritura do autor. Neste esboço procura-se

CONSTRUÇÃO E (de)CONSTRUÇÃO DO BRASIL – por Sílvio Castro

INTRODUÇÃO A presente versão deste ensaio deve ser tomada pelo leitor como um inicial esboço de formas complementares que, muito brevemente, assumirá um diverso desenvolvimento e assim chegará a atingir a intenção final de escritura do autor. Neste esboço procura-se

BARÃO DE ITARARÉ – VENÍCIO LIMA, REQUIÃO E LUCIANA SANTOS DEBATEM MÍDIA E ‘CULTURA DO SILÊNCIO’ – AMANHÃ, 3 de AGOSTO, 19 HORAS – em SÃO PAULO.

No dia 3 de agosto, Venício Lima visita a sede do Barão de Itararé (Rua Rego Freitas, 454, conjunto 83 – República), em São Paulo, para lançar seu novo livro, Cultura do silêncio e democracia no Brasil: Ensaios em defesa da liberdade

BARÃO DE ITARARÉ – VENÍCIO LIMA, REQUIÃO E LUCIANA SANTOS DEBATEM MÍDIA E ‘CULTURA DO SILÊNCIO’ – AMANHÃ, 3 de AGOSTO, 19 HORAS – em SÃO PAULO.

No dia 3 de agosto, Venício Lima visita a sede do Barão de Itararé (Rua Rego Freitas, 454, conjunto 83 – República), em São Paulo, para lançar seu novo livro, Cultura do silêncio e democracia no Brasil: Ensaios em defesa da liberdade

I CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO LUSO-BRASILEIRA – 4 a 6 de SETEMBRO – em VITÓRIA, ESPÍRITO SANTO

Brasil Cidade de Vitória, Espírito Santo Congresso Internacional 4 a 6 de Setembro de 2013 O Congresso pretende ser a primeira reunião internacional a congregar investigadores de todas as partes do mundo interessados na ‘História da Construção Luso-brasileira’. Já há

I CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO LUSO-BRASILEIRA – 4 a 6 de SETEMBRO – em VITÓRIA, ESPÍRITO SANTO

Brasil Cidade de Vitória, Espírito Santo Congresso Internacional 4 a 6 de Setembro de 2013 O Congresso pretende ser a primeira reunião internacional a congregar investigadores de todas as partes do mundo interessados na ‘História da Construção Luso-brasileira’. Já há

A independência do Uruguai em 27 de Agosto de 1828 – por Carlos Loures

Bandeira da Província Oriental Em dois de Janeiro de 1825, eclodiu a guerra da Cisplatina. Foi um conflito armado entre o Brasil e a Províncias Unidas do Rio da Prata, de 1825 a 1828, pela posse da Província Cisplatina, a

A independência do Uruguai em 27 de Agosto de 1828 – por Carlos Loures

Bandeira da Província Oriental Em dois de Janeiro de 1825, eclodiu a guerra da Cisplatina. Foi um conflito armado entre o Brasil e a Províncias Unidas do Rio da Prata, de 1825 a 1828, pela posse da Província Cisplatina, a