Posts Tagged: guerra

Guerras esquecidas, massacres ignorados – Texto 5. À medida que o mundo olha para o lado, a morte espreita na República Democrática do Congo. Por Nick Turse

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Texto 5. À medida que o mundo olha para o lado, a morte espreita na República Democrática do Congo.  Por Nick Turse Publicado por  em 11/10/2019 (ver aqui) Publicado originalmente em  (ver aqui)

Guerras esquecidas, massacres ignorados – Texto 4. Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos, clientes irresistíveis: Impotência ou cinismo face à venda de armas pela Europa. Por Romain Mielcarek

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Texto 4. Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos, clientes irresistíveis: Impotência ou cinismo face à venda de armas pela Europa  Por Romain Mielcarek Publicado por   em setembro de 2019, páginas 22 e

Guerras esquecidas, massacres ignorados – Texto 3. Iémen: esta guerra perturbadora de que não se fala… Por ROSEMAR.over-blog

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Texto 3. Iémen: esta guerra perturbadora de que não se fala… Publicado por ROSEMAR.over-blog, em 3 de janeiro de 2017 (ver aqui)     Iémen saqueado pela guerra, crianças que morrem de fome,

Guerras esquecidas, massacres ignorados – Texto 2. Esta guerra no Iémen de que ninguém fala. Por Olivier d’Auzon

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Texto 2. Esta guerra no Iémen de que ninguém fala  Por Olivier d’Auzon Publicado por  em 28 de agosto de 2017 (ver aqui)   A guerra no Iémen, de que ninguém quer falar,

Guerras esquecidas, massacres ignorados – Texto 1. De novo, os 18 anos da minha neta. Por Júlio Marques Mota

  Texto 1. De novo, os 18 anos da minha neta.  Por Júlio Marques Mota Em 22 de junho de 2020 A minha neta fez anos. Nada de especial, não fora ser o dia de aniversário dos seus 18 anos

Corrida aos armamentos: os Doutores Strangelove não são contagiados pelo Covid-19. Por François Bonnet

Seleção e tradução de Francisco Tavares Corrida aos armamentos: os Doutores Strangelove [1] não são contagiados pelo Covid-19 Por François Bonnet Publicado por em 30/05/2020 (ver aqui)   Donald Trump denuncia uma vez mais um tratado de controlo de armas.

A Grande indústria farmacêutica – A cabeça da Hidra: a ascensão de Robert Kadlec (2ª parte-conclusão). Por Raul Diego e Whitney Webb

Seleção e tradução de Francisco Tavares  Este é um importante e elucidativo artigo sobre a carreira de um homem que ocupa um lugar chave no sistema de governo dos Estados Unidos na área da saúde, intimamente ligado ao complexo militar

Donald Trump envia navios de guerra para as Caraíbas. Por Caroline Popovic

Seleção e tradução de Francisco Tavares Enquanto o mundo se mobiliza para lutar contra o coronavírus, Trump considera essa mobilização um exagero, culpa os chineses, a Organização Mundial de Saúde e tutti quanti… e mobiliza o seu material bélico contra

UMA CARTA DO PORTO – Por José Fernando Magalhães (329)

  O RELÓGIO DE PÉ ALTO   Jérémie Girod, Porto, é o nome que no mostrador branco esmaltado sempre me habituei a ver. No pêndulo, o velho lembra-me o meu avô materno, o cão sempre pensei que era o “Berlim”

Al Gore: o criminoso de oito guerras, vendedor do ecologismo. Por Nazanín Armanian

Seleção e tradução de Francisco Tavares ____________________ Estamos uma vez mais perante um excelente e certeiro artigo de Nazanín Armanian que desmascara a mistificação da realidade levada a cabo pelos poderes do capitalismo dominante. Não sendo personagem único no seu

Mark Esper, outro comerciante da morte, novo secretário de Defesa dos EUA. Por Nazanín Armanian

Seleção e tradução de Francisco Tavares Mark Esper, outro comerciante da morte, novo secretário de Defesa dos EUA  Por Nazanín Armanian Publicado por  em 25 de julho de 2019 (ver aqui)   «Si vis pacem, para bellum» [Se queres a

Sobre bandeiras falsas e pretextos para a próxima guerra. Por Doug Casey

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Sobre bandeiras falsas e pretextos para a próxima guerra  Por Doug Casey Publicado por  em 22 de junho de 2019 (ver aqui) Republicado por  (ver aqui) International Man: As pessoas que olham para

Venezuela e a morte do jornalismo. Por Arantxa Tirado

Obrigado a Arantxa Tirado e a ctxt Publicado por  em 25 de março de 2019 Os meios de comunicação espanhóis atuam, de facto, como correia de transmissão da visão das elites venezuelanas e os setores da “classe média” aspiracional, que

Venezuela a ser atacada: 7 notas sobre o apagão eléctrico. Por Misión Verdad

Obrigado a Misión Verdad Publicado por , em 10 de março em 2019   Entre a tarde de 8 de março e a madrugada de 10 de março, a Venezuela foi vítima de um novo ataque de sabotagem, o maior