Posts Tagged: paraíso fiscal

PRIMEIRO PARAÍSO FISCAL DO MUNDO, A CITY NO CENTRO DE UM IMPÉRIO OFFSHORE, por MARC ROCHE.

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota  Marc Roche, LE MONDE Londres, correspondente Oficialmente, David Cameron colocou a luta contra a evasão fiscal no centro  da sua  Presidência do G8 em  2013. Em apoio desta cruzada, o primeiro-ministro britânico destaca

PRIMEIRO PARAÍSO FISCAL DO MUNDO, A CITY NO CENTRO DE UM IMPÉRIO OFFSHORE, por MARC ROCHE.

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota  Marc Roche, LE MONDE Londres, correspondente Oficialmente, David Cameron colocou a luta contra a evasão fiscal no centro  da sua  Presidência do G8 em  2013. Em apoio desta cruzada, o primeiro-ministro britânico destaca

COMUNICADO DA ATTAC – ERRADICAÇÃO DOS PARAÍSOS FISCAIS: BASTANTE RUÍDO EM PROMESSAS, A FRANÇA DEVE AGIR.

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Análise da declaração de François Hollande. Depois da arrogância de Nicolas Sarkozy quanto à ‘morte dos paraísos fiscais’ e especialmente depois do caso Cahuzac, os cidadãos esperam medidas fortes mostrando que a França

COMUNICADO DA ATTAC – ERRADICAÇÃO DOS PARAÍSOS FISCAIS: BASTANTE RUÍDO EM PROMESSAS, A FRANÇA DEVE AGIR.

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Análise da declaração de François Hollande. Depois da arrogância de Nicolas Sarkozy quanto à ‘morte dos paraísos fiscais’ e especialmente depois do caso Cahuzac, os cidadãos esperam medidas fortes mostrando que a França

OFFSHORE LEAKS: O FISCO FACE AO “MURO DO DINHEIRO”. Por ANNE MICHEL, LE MONDE.

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Anne Michel, Le Monde.fr | 04.04.2013 Os grandes casos de evasão ou de fraude fiscal são sempre o resultado de denúncias. Estas aparecem, por iniciativa de antigos empregados de instituições financeiras em litígio com o

OFFSHORE LEAKS: O FISCO FACE AO “MURO DO DINHEIRO”. Por ANNE MICHEL, LE MONDE.

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Anne Michel, Le Monde.fr | 04.04.2013 Os grandes casos de evasão ou de fraude fiscal são sempre o resultado de denúncias. Estas aparecem, por iniciativa de antigos empregados de instituições financeiras em litígio com o

A LÓGICA DOS PARAÍSOS FISCAIS NA DINÂMICA DA ABSORÇÃO E REPARTIÇÃO DO EXCEDENTE ECONÓMICO, NA DINÂMICA DO CAPITALISMO MODERNO – II

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota   1. Os paraísos fiscais: uma leitura elegante e curiosa Jean Claude Werrebrouck JEAN CLAUDE WERREBROUCK,  LES PARADIS FISCAUX, DISPONÍVEL NO SITE A CRISE DOS ANOS 2010, CUJO ENDEREÇO É O SEGUINTE: HTTP://WWW.LACRISEDESANNEES2010.COM/ (conclusão) …

A LÓGICA DOS PARAÍSOS FISCAIS NA DINÂMICA DA ABSORÇÃO E REPARTIÇÃO DO EXCEDENTE ECONÓMICO, NA DINÂMICA DO CAPITALISMO MODERNO – II

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota   1. Os paraísos fiscais: uma leitura elegante e curiosa Jean Claude Werrebrouck JEAN CLAUDE WERREBROUCK,  LES PARADIS FISCAUX, DISPONÍVEL NO SITE A CRISE DOS ANOS 2010, CUJO ENDEREÇO É O SEGUINTE: HTTP://WWW.LACRISEDESANNEES2010.COM/ (conclusão) …

A LÓGICA DOS PARAÍSOS FISCAIS NA DINÂMICA DA ABSORÇÃO E REPARTIÇÃO DO EXCEDENTE ECONÓMICO, NA DINÂMICA DO CAPITALISMO MODERNO

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota   Os paraísos fiscais: uma leitura elegante e curiosa Jean Claude Werrebrouck Jean Claude Werrebrouck,  Les paradis fiscaux, disponível no site A crise dos anos 2010, cujo endereço é o seguinte: http://www.lacrisedesannees2010.com/ A operação

A LÓGICA DOS PARAÍSOS FISCAIS NA DINÂMICA DA ABSORÇÃO E REPARTIÇÃO DO EXCEDENTE ECONÓMICO, NA DINÂMICA DO CAPITALISMO MODERNO

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota   Os paraísos fiscais: uma leitura elegante e curiosa Jean Claude Werrebrouck Jean Claude Werrebrouck,  Les paradis fiscaux, disponível no site A crise dos anos 2010, cujo endereço é o seguinte: http://www.lacrisedesannees2010.com/ A operação

UMA PEQUENA NOTA INFORMATIVA AOS PARTICIPANTES EM A VIAGEM DOS ARGONAUTAS SOBRE OS PARAÍSOS FISCAIS, por Júlio Marques Mota

Rebentou em França a questão dos paraísos fiscais, questão altamente relevante mas que as instâncias do poder têm sucessivamente minimizado ou mentido, como a famosa reunião do G20, minto do G00, em que se declarava morte aos paraísos fiscais, como

UMA PEQUENA NOTA INFORMATIVA AOS PARTICIPANTES EM A VIAGEM DOS ARGONAUTAS SOBRE OS PARAÍSOS FISCAIS, por Júlio Marques Mota

Rebentou em França a questão dos paraísos fiscais, questão altamente relevante mas que as instâncias do poder têm sucessivamente minimizado ou mentido, como a famosa reunião do G20, minto do G00, em que se declarava morte aos paraísos fiscais, como

REFLEXÕES SOBRE A MORTE DA ZONA EURO, SOBRE OS CAMINHOS SEGUIDOS NA EUROPA A CAMINHO DOS ANOS 1930

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota O  tesoureiro de campanha de François Holanda investiu nas ilhas Caimão Par Anne Michel et Raphaëlle Bacqué Em pleno escândalo Cahuzac, mais uma revelação, e esta cai, também ela, muito mal. Jean-Jacques Augier,

REFLEXÕES SOBRE A MORTE DA ZONA EURO, SOBRE OS CAMINHOS SEGUIDOS NA EUROPA A CAMINHO DOS ANOS 1930

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota O  tesoureiro de campanha de François Holanda investiu nas ilhas Caimão Par Anne Michel et Raphaëlle Bacqué Em pleno escândalo Cahuzac, mais uma revelação, e esta cai, também ela, muito mal. Jean-Jacques Augier,

REFLEXÕES SOBRE A MORTE DA ZONA EURO, SOBRE OS CAMINHOS SEGUIDOS NA EUROPA A CAMINHO DOS ANOS 1930

Selecção, tradução e nota de leitura para Júlio Marques Mota A Alemanha, um paraíso fiscal seguro para a lavagem de dinheiro – II (conclusão) …… Fluxos de fundos opacos “Infelizmente, as circunstâncias na Alemanha ainda incentivam o branqueamento de capitais”,

REFLEXÕES SOBRE A MORTE DA ZONA EURO, SOBRE OS CAMINHOS SEGUIDOS NA EUROPA A CAMINHO DOS ANOS 1930

Selecção, tradução e nota de leitura para Júlio Marques Mota A Alemanha, um paraíso fiscal seguro para a lavagem de dinheiro – II (conclusão) …… Fluxos de fundos opacos “Infelizmente, as circunstâncias na Alemanha ainda incentivam o branqueamento de capitais”,

REFLEXÕES SOBRE A MORTE DA ZONA EURO, SOBRE OS CAMINHOS SEGUIDOS NA EUROPA A CAMINHO DOS ANOS 1930

Selecção, tradução e nota de leitura por Júlio Marques Mota A Alemanha, um paraíso fiscal seguro para a lavagem de dinheiro Nota de leitura Ainda a propósito de Chipre acusado agora pela Alemanha e pelos seus ministros, que mais parecem

REFLEXÕES SOBRE A MORTE DA ZONA EURO, SOBRE OS CAMINHOS SEGUIDOS NA EUROPA A CAMINHO DOS ANOS 1930

Selecção, tradução e nota de leitura por Júlio Marques Mota A Alemanha, um paraíso fiscal seguro para a lavagem de dinheiro Nota de leitura Ainda a propósito de Chipre acusado agora pela Alemanha e pelos seus ministros, que mais parecem

UMA GUERRA DE MOEDAS NEGLIGENCIADA NA EUROPA, de Daniel Gros – Introdução.

Selecção, tradução e introdução por Júlio Marques Mota A crise europeia é culpa dos que protestam na rua, diz-nos Joaquim Aguiar,  a crise europeia  é culpa da Suíça, diz-nos Daniel Gros: duas leituras para branquear a responsabilidade das Instituições Europeias

UMA GUERRA DE MOEDAS NEGLIGENCIADA NA EUROPA, de Daniel Gros – Introdução.

Selecção, tradução e introdução por Júlio Marques Mota A crise europeia é culpa dos que protestam na rua, diz-nos Joaquim Aguiar,  a crise europeia  é culpa da Suíça, diz-nos Daniel Gros: duas leituras para branquear a responsabilidade das Instituições Europeias

O MAIS BELO ESQUEMA DE PONZI MONTADO POR BARROSO, JUNCKER E DRAGHI: A LICENÇA BANCÁRIA DO MECANISMO EUROPEU DE ESTABILIDADE (MEE) – I

Por MARIE CAROLINE PORTEU Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Há algumas semanas atrás, Joseph Stiglitz comparava as  decisões da Comissão Europeia com as de uma economia de vampiros (economia vudu)  e Nigel Farage comparava estas decisões  às de

O MAIS BELO ESQUEMA DE PONZI MONTADO POR BARROSO, JUNCKER E DRAGHI: A LICENÇA BANCÁRIA DO MECANISMO EUROPEU DE ESTABILIDADE (MEE) – I

Por MARIE CAROLINE PORTEU Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Há algumas semanas atrás, Joseph Stiglitz comparava as  decisões da Comissão Europeia com as de uma economia de vampiros (economia vudu)  e Nigel Farage comparava estas decisões  às de

CLEARSTREAM – A CÂMARA DE COMPENSAÇÃO INTERNACIONAL, por Rémy Gyger – I

Selecção, tradução e introdução por Júlio Marques Mota Disse Democracia  na  Zona Euro? Se ouvi bem, bom, então vá ao otorrino porque ouve falar do que não se fala já, vá ao oftalmologista porque vê  completamente  deformado o que existe,

CLEARSTREAM – A CÂMARA DE COMPENSAÇÃO INTERNACIONAL, por Rémy Gyger – I

Selecção, tradução e introdução por Júlio Marques Mota Disse Democracia  na  Zona Euro? Se ouvi bem, bom, então vá ao otorrino porque ouve falar do que não se fala já, vá ao oftalmologista porque vê  completamente  deformado o que existe,

O BNP METE A MÃO NO POTE DE GELEIA DOS IMPOSTOS – Por XAVIER HAREL – MARIANNE

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Vendredi 13 Juillet 2012 à 12:00 La BNP les doigts dans le pot de confiture fiscale Em Abril, Prot de Baudouin, Presidente do BNP Paribas foi ouvido pela Comissão de investigação do Senado

O BNP METE A MÃO NO POTE DE GELEIA DOS IMPOSTOS – Por XAVIER HAREL – MARIANNE

Selecção e tradução por Júlio Marques Mota Vendredi 13 Juillet 2012 à 12:00 La BNP les doigts dans le pot de confiture fiscale Em Abril, Prot de Baudouin, Presidente do BNP Paribas foi ouvido pela Comissão de investigação do Senado