Posts Tagged: regionalismo

A ITÁLIA NA ENCRUZILHADA – II – POR ANNA ROSA SCRITTORI – tradução de MANUEL SIMÕES

Nos últimos dias os representantes da “Lega” e do “M5s” começaram a redigir um acordo de legislatura para dar vida a um executivo respeitador dos resultados eleitorais de 4 de Março último. Está a perspectivar-se, portanto, um governo de direita

A ITÁLIA NA ENCRUZILHADA – II – POR ANNA ROSA SCRITTORI – tradução de MANUEL SIMÕES

Nos últimos dias os representantes da “Lega” e do “M5s” começaram a redigir um acordo de legislatura para dar vida a um executivo respeitador dos resultados eleitorais de 4 de Março último. Está a perspectivar-se, portanto, um governo de direita

ITÁLIA: UMA MANOBRA LIGUISTA NA REGIÃO VÉNETA. FALAR ITALIANO COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA?  – por ANNA ROSA SCRITTORI – tradução de MANUEL SIMÕES

    Nas últimas semanas causou um grande espanto a deliberação com que o conselho regional do Véneto (de maioria liguista) quis proclamar o dialecto véneto como língua oficial da mesma região. Depois que o voto referendário rejeitou sonoramente as

ITÁLIA: UMA MANOBRA LIGUISTA NA REGIÃO VÉNETA. FALAR ITALIANO COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA?  – por ANNA ROSA SCRITTORI – tradução de MANUEL SIMÕES

    Nas últimas semanas causou um grande espanto a deliberação com que o conselho regional do Véneto (de maioria liguista) quis proclamar o dialecto véneto como língua oficial da mesma região. Depois que o voto referendário rejeitou sonoramente as

A GALIZA COMO TAREFA – ‘pátria e região’ – Ernesto V. Souza

Regionalismo, autonomismo, auto-governo, soberanismo, são palavras habituais nos discursos dos diversos grupos políticos e culturais que se entendem representantes das reivindicações de territórios e comunidades menorizadas ou sub-representadas, cultural, política ou economicamente num Estado. Territórios ou comunidades étnicas, linguísticas, religiosas

A GALIZA COMO TAREFA – ‘pátria e região’ – Ernesto V. Souza

Regionalismo, autonomismo, auto-governo, soberanismo, são palavras habituais nos discursos dos diversos grupos políticos e culturais que se entendem representantes das reivindicações de territórios e comunidades menorizadas ou sub-representadas, cultural, política ou economicamente num Estado. Territórios ou comunidades étnicas, linguísticas, religiosas

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (8)

O Porto tem todas as razões para ser bairrista e regionalista. . O Porto tem todas as razões para ser bairrista e regionalista. Não de um modo negativo onde o meu é melhor do que o teu, mas de uma

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (8)

O Porto tem todas as razões para ser bairrista e regionalista. . O Porto tem todas as razões para ser bairrista e regionalista. Não de um modo negativo onde o meu é melhor do que o teu, mas de uma