Posts Tagged: cais das pedras

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (43)

    DA NOITE EM QUE O PORTO NÃO DORME O Verão começado, o São João acabado, e eu sentado na Marina do Freixo, olhando o rio que, imperturbável, segue o seu rumo de todos os dias. O dia estava

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (43)

    DA NOITE EM QUE O PORTO NÃO DORME O Verão começado, o São João acabado, e eu sentado na Marina do Freixo, olhando o rio que, imperturbável, segue o seu rumo de todos os dias. O dia estava

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (41)

ABRIU A ÉPOCA DOS DIAS FANTÁSTICOS Gosto de ti, Porto, e então? Tenho o privilégio de viver numa zona nobre da cidade. Pela janela da sala onde escrevo e leio, onde discuto comigo mesmo e trato as minhas fotografias, vejo

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (41)

ABRIU A ÉPOCA DOS DIAS FANTÁSTICOS Gosto de ti, Porto, e então? Tenho o privilégio de viver numa zona nobre da cidade. Pela janela da sala onde escrevo e leio, onde discuto comigo mesmo e trato as minhas fotografias, vejo

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (34)

FUI TURISTA NA MINHA CIDADE Tem dias em que a vontade que me dá é a de passear pela cidade e fazer coisas diferentes. Na segunda-feira passada, foi um dia assim. Aproveitei o último dia das férias da Páscoa do

UMA CARTA DO PORTO – Por José Magalhães (34)

FUI TURISTA NA MINHA CIDADE Tem dias em que a vontade que me dá é a de passear pela cidade e fazer coisas diferentes. Na segunda-feira passada, foi um dia assim. Aproveitei o último dia das férias da Páscoa do