Posts Tagged: taxas de juro

Taxas negativas: Até onde podemos ir? Um pouco de ficção económica. Por Philippe Herlin

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Publicado por  em 22-08-2019 (ver aqui) _____________________________ As taxas negativas não estão incluídas nos manuais de economia, pois os principais economistas não consideraram este cenário, que parecia completamente absurdo. No entanto, já existem

Taxas negativas: Até onde podemos ir? Um pouco de ficção económica. Por Philippe Herlin

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota Publicado por  em 22-08-2019 (ver aqui) _____________________________ As taxas negativas não estão incluídas nos manuais de economia, pois os principais economistas não consideraram este cenário, que parecia completamente absurdo. No entanto, já existem

A teoria do “Maior Idiota ” conduz a um mundo estranho de rendimentos negativos. Por Neil Collins

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota A teoria do “Maior Idiota [1]” conduz a um mundo estranho de rendimentos negativos Empréstimos concedidos a perder dinheiro só fazem sentido se houver outros compradores dispostos a arriscar perdas ainda maiores.   Por

O tempo das taxas de juro quase nulas continua – mas a que custo? Por Victor Hill

Seleção e tradução de Júlio Marques Mota O tempo das taxas de juro quase nulas continua – mas a que custo?  Por Victor Hill The age of near-zero interest rates continues – but at what cost?Publicado por  em 19 de julho

Da crise atual à próxima crise, sinais de alarme – De onde é que irá disparar a próxima crise? Por The Economist

Seleção de Júlio Marques Mota e tradução de Francisco Tavares De onde é que irá disparar a próxima crise? O endividamento das empresas poderá ser a causa. Por Buttonwood Publicado por  em 3 de maio de 2018   As taxas

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 7. Não haverá nenhum boom económico (2ª parte-conclusão). Por Lance Roberts

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 7. Não haverá nenhum boom económico (2ª parte-conclusão) Por Lance Roberts   em 8 de março de 2018 Na terça-feira, apresentei na Conferência da Financial Planning Association (FPA) em Houston, as questões que

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 7. Não haverá nenhum boom económico (1ª parte). Por Lance Roberts

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 7. Não haverá nenhum boom económico (1ª parte) Por Lance Roberts   em 15 de fevereiro de 2018 Na semana passada, o Congresso aprovou uma resolução contínua de 2 anos, ou C.R., para

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 6. Ninguém pensa que isto possa voltar a acontecer. Por Doug Noland

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 6. Ninguém pensa que isto possa voltar a acontecer Por Doug Noland  Publicado por  em 17 de março de 2018 WSJ [Wall Street Journal]:“Dez anos após o resgate do Bear Stearns, ninguém acha

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 5. Rachas. Por Doug Noland

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 5. Rachas Por Doug Noland  Publicado por  em 3 de março de 2018   Depois de ter atingido um valor de pico de 25.800 na terça-feira, o DJIA [índice Dow Jones Industrial Average]

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 4. Onde é que vamos arranjar o dinheiro? (2ª parte-conclusão). Por John Mauldin

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 4. Onde é que vamos arranjar o dinheiro? (2ª parte-conclusão) Por John Mauldin   10 de fevereiro de 2018   Em busca de credores Em teoria, não deve ser um problema para o

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 4. Onde é que vamos arranjar o dinheiro? (1ª parte). Por John Mauldin

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 4. Onde é que vamos arranjar o dinheiro? (1ª parte) Por John Mauldin   10 de fevereiro de 2018 A turbulência da semana passada brilhou como um forte holofote no mercado de ações.

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 3. A rotação da mente entorpecida de Peter Navarro. Por Lance Roberts

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 3. A rotação da mente entorpecida de Peter Navarro Por Lance Roberts  em 6 de abril de 2018 “O mercado está a reagir de uma maneira que não é compatível com a força,

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 2. “Erros da política monetária” do FED – um ponto de vista do outro lado do Atlântico. Por John Mauldin

  Seleção e tradução de Júlio Marques Mota 2. “Erros da política monetária” do FED – um ponto de vista do outro lado do Atlântico Por John Mauldin    em 11 de abril de 2018 Eu tenho escrito longamente nos últimos

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 1. Em forma de conclusão e como homenagem ao Carlos Tenreiro, caminhando por terrenos que com muita mestria ele dominava: a política económica e monetária (2ª parte-conclusão). Por Júlio Marques Mota

1. Em forma de conclusão e como homenagem ao Carlos Tenreiro, caminhando por terrenos que com muita mestria ele dominava: a política económica e monetária (2ª parte-conclusão) Por Júlio Marques Mota, 15 de abril de 2018    (2ª parte-conclusão) 3.

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança – 1. Em forma de conclusão e como homenagem ao Carlos Tenreiro, caminhando por terrenos que com muita mestria ele dominava: a política económica e monetária (1ª parte). Por Júlio Marques Mota

1. Em forma de conclusão e como homenagem ao Carlos Tenreiro, caminhando por terrenos que com muita mestria ele dominava: a política económica e monetária (1ª parte) Por Júlio Marques Mota, 15 de abril de 2018    (1ª parte) Introdução

Homenagem ao Carlos Tenreiro, uma série de textos sobre questões de macroeconomia e de alta finança. Introdução, por Júlio Marques Mota

Um amigo e meu antigo aluno morreu, Carlos Tenreiro. Foi um dos alunos que não poderei nunca esquecer, um dos muito poucos alunos que ao longo de 30 anos obtiveram a classificação por mim atribuída de 18 valores. Foram raros